Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Gare do Oriente, Médio

Dois arquitectos portugueses emigram para o Reino da Arábia Saudita. Um escreve (às vezes também esquiça), outro fotografa.

Gare do Oriente, Médio

Dois arquitectos portugueses emigram para o Reino da Arábia Saudita. Um escreve (às vezes também esquiça), outro fotografa.

01 Mai, 2021

O TEMPO

Faz calor (duh) mas o assunto não é desse tempo. Embora até possa haver alguma relação com o ritmo a que se funciona por aqui, que isto anda tudo ligado.

Como já deu para se perceber pelos textos anteriores, no trânsito andam sempre rápido, com pressa de chegar a sítios. Quando lá chegam, acalmam.

Há lindas publicações inspiradoras em redes sociais, sobre a jornada ser mais importante do que o destino, mas parece que o algoritmo do Facebook não permite que isso aqui chegue. É preciso correr, para depois se parar.

Começa-se a trabalhar cedo, pela fresquinha (a sério, isto no Inverno até arrefece, e não é muito; e não é pouco; bastante), para terminar lá pelas 5. Quando o sol se põe é suposto já estar tudo em casa, com a família, até porque não há bares onde beber uma cerveja depois de encerrar o expediente.

No caso das actividades comerciais, os horários são mais alargados, e imprevisíveis. Há 5 orações diárias obrigatórias, mais uma facultativa, e tudo pára por essa altura. As lojas fecham mas, como o horário para rezar está ligado ao sol, a hora varia ao longo do ano, nunca é exactamente igual para todas as lojas, e demoram mais ou menos 10 minutos, ou 20, ou 32, qualquer coisa assim. Complica as coisas à hora de jantar, já que o magrib (pôr-do-sol), fica muito próximo do isha, que pode ser entre as 19:30 e as 20:30, conforme a estação, e portanto às vezes não se consegue jantar às 20:00; que é a hora a que começa o telejornal e é quando as pessoas civilizadas jantam. Também pode acontecer ficar-se fechado no restaurante, enquanto os funcionários vão rezar (os fiéis) ou actualizar as redes sociais (os restantes).

Não há pressa, mesmo que seja para ontem, pode ficar para amanhã. Talvez. Se Alá quiser.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.